US Open começa com 5 tenistas com chance de ser número 1

ago 29, 2022 | Tenis

O US Open de 2022 será palco de uma disputa aberta e emocionante pela posição de melhor tenista do mundo no circuito masculino.

Ao todo, cinco jogadores chegam a Nova York com chance de liderar o ranking ao fim do torneio: Carlos Alcaraz, Daniil Medvedev, Rafael Nadal, Casper Ruud e Stefanos Tsitsipas.

Medvedev entra como atual campeão, líder do ranking e cabeça de chave número 1, mas, apesar de em tese ter uma chave mais fácil, é também quem tem mais pressão pois precisa defender os 2000 pontos conquistados em 2021. Se perder a final, precisa que Rafa não chegue até a semi e que o campeão não seja um dos outros três.

Descontados os pontos da temporada passada, quem tem a melhor situação é Nadal. O tenista espanhol não esteve em Flushing Meadows no último ano por conta de uma lesão e por isso não tem pontos a descartar. Para ele, basta que nenhum dos outros quatro adversários chegue à final para ser líder. Se chegar à final, o Touro Miúra só perde a liderança se perder o título para Medvedev.

Quem também depende apenas de suas forças é o jovem Alcaraz. Aos 19 anos, o tenista precisaria que Rafa não chegasse à disputa da taça, mas como eles estão na mesma chave, se enfrentam na semifinal.

Então o murciano precisa “apenas” ser o campeão para garantir que será o mais jovem líder do ranking da história da ATP. Atualmente, a marca é de Lleyton Hewitt, que alcançou o topo com 20 anos e 8 meses. Carlitos tem 19 anos e 3 meses.

Tsitsipas e Ruud já não dependem apenas de suas próprias forças para saírem como líderes do ranking mundial. Mesmo que sejam campeões, ambos só se garantem no topo se o adversário da final não for Rafael Nadal.

Ler mais no site da Globo

Para mais notícias clique aqui

 

Faça suas apostas com um dos nosso bookies

 

Trending

Resumo da Premier League 2022/23

Resumo da Premier League 2022/23

No último domingo, 28 de maio, chegou ao fim a emocionante temporada 2022/23 da Premier League. Como amplamente conhecido, o Manchester City