Ex-campeão do UFC diz que Jon Jones é favorito

mar 3, 2023 | Combate

Apesar de não estar mais competindo no UFC, Francis Ngannou continua sendo uma figura influente no mundo do MMA, especialmente quando se trata da categoria peso-pesado. No próximo sábado (4), em Las Vegas (EUA), Jon Jones e Ciryl Gane se enfrentarão para determinar o novo campeão da categoria, depois que Ngannou deixou o título vago ao não renovar seu contrato com o UFC. Ngannou está analisando de perto a tão esperada luta entre seus rivais.

Ngannou elogiou as habilidades de Gane e Jones, mas considerou o ex-campeão dos meio-pesados do UFC o favorito na luta. O antigo detentor do título de peso-pesado destacou que Jones demonstrou ser um lutador excepcional ao longo dos anos. No entanto, “The Predator” mencionou a inatividade de Jones no MMA desde fevereiro de 2020 e sua queda de desempenho em suas lutas mais recentes como fatores que podem prejudicá-lo em sua estreia na categoria de peso-pesado. De qualquer forma, Ngannou salientou que se Jones conseguir recuperar seu nível de atuação passado, ele deve vencer Gane sem muita dificuldade.

“Gane é um lutador muito bom, muito difícil para Jon Jones, mas todos nós conhecemos Jones. Ele é um lutador muito especial, então depende de qual Jon Jones estamos falando, de qual vai aparecer naquela noite. Acho que se ele aparecer, será uma noite difícil para Gane. Mas você realmente não sabe o que está acontecendo com Jon Jones. Vamos esperar para ver. Se ele aparecer, acho que será uma luta incrível. Isso torna a luta emocionante”

Francis Ngannou, com 36 anos, fez sua estreia no UFC em 2015, derrotou grandes nomes e se tornou um dos lutadores mais temidos no mundo do MMA. Enquanto estava no UFC, o ex-campeão de peso-pesado nocauteou Alistair Overeem, Andrei Arlovski, Cain Velasquez, Curtis Blaydes (duas vezes), Jairzinho Rozenstruik, Júnior ‘Cigano’ e Stipe Miocic, além de vencer Ciryl Gane em sua única defesa de título. O sucesso de “The Predator” é tão grande que ele já é considerado por muitos fãs e pela imprensa especializada como um dos maiores lutadores da história da categoria, graças à sua impressionante estatura e poder de nocaute. Agora que está fora do UFC, o camaronês pode finalmente realizar seu sonho de competir no boxe.

Ler mais em espn.com.br

Para mais notícias clique aqui

Faça suas apostas com um dos nosso bookies

Trending